UMA RUA DE DOIS SENTIDOS

2016-06-25

Se Lhe pedirmos, certamente que Deus perdoará os nossos erros. Mas em caso nenhum Ele nos tornará puros como a neve e nos manterá assim, sem a nossa colaboração.

OS DOZE PASSOS E AS DOZE TRADIÇÕES, pág. 61

Quando rezava, costumava omitir muitas coisas que eu precisava que fossem perdoadas. Pensava que se não as mencionasse a Deus, Ele nunca as descobriria. Eu não sabia que se eu me tivesse perdoado por algumas das minhas acções passadas, Deus também me perdoaria. Ensinaram-me sempre a preparar-me para a caminhada através da vida, sem nunca me aperceber até chegar a AA – quando me dispus honestamente a aprender a perdoar e a ser perdoado – que a vida em si é a viagem. A caminhada da vida é uma caminhada feliz desde que eu esteja disposto a aceitar a mudança e a responsabilidade.

© Copyright, 1990, Reflexões Diárias, traduzido e reproduzido com autorização de Alcoholics Anonymous World Services, Inc.

Receba no seu email a nossa Reflexão Diária