NÃO VAMOS COMPLICAR

2016-01-22

Umas horas mais tarde despedi-me do Dr. Bob… O seu maravilhoso e amplo sorriso estava estampado no seu rosto quando me disse de uma forma quase divertida, “Lembra-te, Bill, não vamos deitar tudo a perder. Não vamos complicar nada!” Eu saí sem poder dizer uma palavra. Foi a última vez que o vi.

AA atinge a maioridade, pág. 217 (edição americana)

Depois de anos de sobriedade, ainda me pergunto a mim mesmo de vez em quando: “Será possível que seja tão simples?” Depois, nas reuniões, vejo cépticos e desenganados de anos passados que conseguiram sair do inferno em que estavam, seguindo o caminho de AA e dividindo as suas vidas sem álcool em segmentos de 24 horas, durante as quais praticam uns quantos princípios o melhor que podem. É então que me apercebo de novo que, embora nem sempre seja simples, se eu não complicar, o Programa funciona.

© Copyright, 1990, Reflexões Diárias, traduzido e reproduzido com autorização de Alcoholics Anonymous World Services, Inc.

Receba no seu email a nossa Reflexão Diária